Dor no ovário: Tudo o que você precisa saber

dor de ovários ocorre em muitas mulheres nos dias que estão ovulando. A menstruação é, provavelmente, a causa mais comum que produz a dor no ovário na maioria das mulheres.

Também é importante mencionar que esta não é a única causa, e não deve ser confundida com outras, tais como o fato de que a mulher, ao estar grávida, pode sentir dor no ovário, especialmente nas primeiras semanas de gestação.

Dor no ovário: o problema

dor no ovário está localizada na parte inferior do abdômen. A dor em si tem sido descrita por mulheres como uma alfinetada.

Enquanto que não é comum que a dor do ovário se repeta muitas vezes também é verdade que, dependendo da causa e da gravidade a dor do ovário pode ser muito mais repetitiva e mais forte.

Se a origem da dor no ovário é o início do período da menstruação, então ela se manifesta nos dias antes do início da mesma. Também é importante mencionar que a dor no ovário geralmente é sentida em um dos dois ovários e não em ambos, mas cada vez que ela pode mudar o lado.

Causas da dor de ovário:

Como mencionamos a dor no ovário pode ocorrer por diversos motivos, isso se deve a quantidade de processos em que os ovários estão envolvidos e também ao fato de que os ovários são suscetíveis a muitas doenças que podem causar estes sintomas entre as principais causas de dor do ovário se encontram; a ovulação, a menstruação, a gravidez, a endometriose e os cistos ovarianos.

Aqui descrevemos algumas dessas causas de dor de ovário:

Dor do ovário durante a ovulação: dor no ovário que ocorre no momento da ovulação, é chamada dor de ovário intermenstrual. Nem todas as mulheres sentem-na, e de fato muitos passam pela fase de ovulação sem realmente senti-la.

A dor pode ocorrer antes, durante, e após a ovulação. As causas desta dor podem se originar do folículo crescer sobre a superfície do ovário.

Dor do ovário durante a menstruação: Esta é uma das causas mais comuns de dor no ovário. Como o próprio nome indica ocorre durante o período, ou um pouco antes disso.

O desconforto associado a este tipo de dor de ovário pode variar de leve a muito grave. Em algumas mulheres as causas dessa dor pode ser por estar sofrendo contrações dos músculos do útero nesta fase.

É importante mencionar que, se seus períodos são sempre dolorosas ou muito frequentes, você deve procurar o seu médico, pois isso pode indicar sinais de endometriose.

Dor do ovário por causa da endometriose: A endometriose ocorre quando células do endométrio crescem para preparar um possível ovo fertilizado. Quando estas células crescem para fora do útero, ou no intestino, bexiga e ovários é quando os médicos falam sobre a endometriose.

Os sintomas relacionados com a endometriose são dor intensa e contínua antes da menstruação, períodos pesados de dor durante ou depois do sexo.

Dor do ovário durante a gravidez: As dores de ovário, assim como as câimbras e inchaços nos ovários podem ser tomados como os primeiros sintomas de gravidez. São muitas vezes semelhantes aos sintomas experimentados durante o período. Neste caso, o corpo está se preparando para a gravidez e as mudanças que começam a sofrer o útero podem causar dor.

Remédios para aliviar a dor de ovário:

Quando a dor no ovário ocorre por causas não patológicas, mas ocorre como uma parte normal do processo por que passa o corpo é praticamente inevitável.

Os remédios que dizem que podem aliviar a dor de ovário podem ter efeitos colaterais, e não é recomendável ingerir coquetéis químicos para aliviar algo que é um processo normal.

Existem dois remédios caseiros que têm tido êxito para aliviar a dor dos ovários nas mulheres, tornando-a mais tolerável:

  • O café irlandês: Se trata de preparar o café sem açúcar ou quaisquer outros aditivos e adicionar algumas gotas de qualquer bebida alcoólica de sua preferência. O calor do café vai chegar ao seu ventre e dar-lhe uma sensação imediata de alívio.
  • Chá de Ruda: Obter uma folha de Ruda e usá-la para fazer chá. As propriedades medicinais desta planta vão fazer com que a dor seja aliviada consideravelmente.

Se a dor é muito frequente e intensa recomendamos que você vá a um médico para ter um melhor conhecimento do que está acontecendo, mas se as causas são naturais é de se saber que é uma fase da vida quase inevitável das mulheres, e se você quiser aliviar esta dor recomendamos fazer por meios naturais, que estão em abundância, e não por meios farmacológicos.

You Might Also Like
Deixe uma resposta