3 Tipos de Psicologia

A psicologia é uma vasta área de estudo que abrange muitos tópicos diferentes e pode até mesmo se entrelaçar com outras disciplinas, como biologia e antropologia.

Por causa disso, vários nichos diferentes existem e tentam responder a perguntas sobre a mente e o comportamento em contextos específicos. Este artigo irá delinear alguns dos tipos de psicologia.

Ficou confuso com os diferentes tipos de psicologia?

Fale com um profissional. Fale agora com um especialista em psicologia certificado pelo conselho. Este site pertence e é operado pela BetterHelp, que recebe todas as taxas associadas à plataforma.

Psicologia Clínica

Um dos subcampos com os quais muitas pessoas podem estar familiarizadas é a psicologia clínica. O objetivo dos psicólogos clínicos é ajudar a diagnosticar e tratar as diferentes condições mentais que as pessoas enfrentam, principalmente por meio de terapia, em vez de medicamentos prescritos.

No entanto, psicólogos clínicos podem trabalhar em estreita colaboração com psiquiatras (aqueles que podem prescrever medicamentos) e até mesmo ajudá-los com seu diagnóstico. Para fazer isso, esses tipos de psicólogos podem ser encarregados de realizar testes psicológicos e tratamentos não medicamentosos.

Um psicólogo clínico pode trabalhar com pessoas afetadas por depressão, ansiedade, vício e até distúrbios de aprendizagem, e isso é apenas para citar alguns. Devido à demanda por seus serviços, os psicólogos clínicos tendem a ser abundantes e podem ser encontrados em diferentes funções, como escolas e hospitais.

Psicologia Forense

Se você é fã da televisão policial, a psicologia forense é outro campo do qual você já deve ter ouvido falar. Um psicólogo forense trabalha em conjunto com o sistema de justiça e pode ajudar a compreender o comportamento criminoso.

Por exemplo, um psicólogo forense pode entrevistar um criminoso para dar uma olhada em sua cabeça no momento de um evento. Ao fazer isso, eles podem aprender quais podem ter sido seus motivos e avaliar o grau de ameaça que representam para a sociedade.

Esses indivíduos também podem ajudar as vítimas de um crime a encontrar o fechamento e até mesmo prevenir a ocorrência de crimes futuros. Fora do direito penal, os psicólogos forenses também estão frequentemente envolvidos com o direito da família, como casos de custódia.

Por último, eles podem estar envolvidos na criação de perfis criminais . No entanto, isso geralmente é atribuído a policiais treinados para isso.

Neuropsicologia

Os neuropsicólogos estão interessados na anatomia e na mecânica do cérebro e do sistema nervoso e como isso afeta as habilidades cognitivas e o comportamento de uma pessoa. Um dos problemas mais frequentes com que os neuropsicólogos lidam é o traumatismo craniano.

Seja em um acidente de carro ou em esportes de alto contato, qualquer lesão cerebral pode ter efeitos profundos sobre como alguém pensa e se comporta.

Para examinar os efeitos cognitivos, um especialista pode realizar uma avaliação neurológica para julgar o desempenho de um cérebro após acidentes, doenças como Alzheimer e doenças mentais como esquizofrenia.

Além disso, um neuropsicólogo tem muitas ferramentas avançadas à sua disposição e pode monitorar a atividade elétrica no cérebro de um paciente por meios como EMG e EEG, que significa eletromiograma e eletroencefalograma.

You Might Also Like
Deixe uma resposta